Comunicação
A comunicação sistemática do desenvolvimento da Política de Educação Integral é outra medida relevante de compartilhamento, adesão e sucesso, porque permite o acompanhamento da sua implementação por parte de todos, garantindo transparência e controle social.
A comunicação deve ser continuada e realizada pela secretaria, em duas direções: para dentro do sistema e para fora dele.
O segundo refere-se à comunicação com a população em geral, informando e fornecendo um panorama do que está acontecendo nas escolas e na cidade como um todo. Nos dois casos é importante que se considerem as várias formas de comunicação: encontros presenciais e uso da mídia impressa, televisiva, digital e rádios locais. É importante que, em todos eles, haja a possibilidade de participação da população, por meio de espaços para que expressem suas opiniões e propostas
O segundo refere-se à comunicação com a população em geral, informando e fornecendo um panorama do que está acontecendo nas escolas e na cidade como um todo. Nos dois casos é importante que se considerem as várias formas de comunicação: encontros presenciais e uso da mídia impressa, televisiva, digital e rádios locais. É importante que, em todos eles, haja a possibilidade de participação da população, por meio de espaços para que expressem suas opiniões e propostas
Outro ponto importante a considerar é a comunicação entre escolas e famílias. A equipe técnica da secretaria deve auxiliar as escolas a preparar encontros com os pais para se inteirarem da proposta de educação integral, esclarecerem suas dúvidas e compartilharem responsabilidades. Esses encontros podem se caracterizar como formação para os pais se, além da comunicação do desenvolvimento da proposta, forem recheados com pequenas palestras, mesas-redondas ou exibição de vídeos curtos, seguidos de debate.
Manter canais de comunicação em funcionamento é uma forma de fortalecer a implementação da política pública de educação integral, envolver os atores e ampliar a circulação de informações sobre o tema. A tecnologia pode prestar um importante serviço a esse processo.
Comunicação
A comunicação sistemática do desenvolvimento da Política de Educação Integral é outra medida relevante de compartilhamento, adesão e sucesso, porque permite o acompanhamento da sua implementação por parte de todos, garantindo transparência e controle social.
A comunicação deve ser continuada e realizada pela secretaria, em duas direções: para dentro do sistema e para fora dele.
No primeiro caso, trata-se de manter contato e diálogo constante com os profissionais que desenvolvem a proposta nas escolas e instituições parceiras, com as famílias, com os alunos e com as outras políticas para a infância e a juventude – como a de esporte, cultura, assistência social, saúde –, de modo a avaliar conjuntamente o processo e manter todos os envolvidos informados sobre as decisões da secretaria, os procedimentos previstos e as ações planejadas.
O segundo refere-se à comunicação com a população em geral, informando e fornecendo um panorama do que está acontecendo nas escolas e na cidade como um todo. Nos dois casos é importante que se considerem as várias formas de comunicação: encontros presenciais e uso da mídia impressa, televisiva, digital e rádios locais. É importante que, em todos eles, haja a possibilidade de participação da população, por meio de espaços para que expressem suas opiniões e propostas
Outro ponto importante a considerar é a comunicação entre escolas e famílias. A equipe técnica da secretaria deve auxiliar as escolas a preparar encontros com os pais para se inteirarem da proposta de educação integral, esclarecerem suas dúvidas e compartilharem responsabilidades. Esses encontros podem se caracterizar como formação para os pais se, além da comunicação do desenvolvimento da proposta, forem recheados com pequenas palestras, mesas-redondas ou exibição de vídeos curtos, seguidos de debate.
Manter canais de comunicação em funcionamento é uma forma de fortalecer a implementação da política pública de educação integral, envolver os atores e ampliar a circulação de informações sobre o tema. A tecnologia pode prestar um importante serviço a esse processo.
Cadastre-se para adicionar dados sobre este tema no seu Plano de Educação Integral

Participe

Faça um comentário!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Total de 0 comentário(s)